Santos e Ferreira Advogados

quarta-feira, 4 de julho de 2012

STJ determina que erro médico seja julgado como homicídio



A decisão pretende diminuir a quantidade de erros no país

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) anunciou, na última quinta-feira (28), que erros médicos que levem à morte de pacientes devem ser julgados como homicídio. A determinação vale, inclusive, para casos em que a equipe médica adia o parto e a criança morre.

A decisão do órgão abriu precedentes em todo o Brasil e pretende diminuir o número de erros.

Fonte: R7 

Nenhum comentário:

Postar um comentário